Em busca do pensamento livre.
Quarta-feira, 16 de Novembro de 2011

 

 

 

 

Diz-se, com propriedade, que as inverdades têm perna curta e que o tempo, sempre o tempo, coloca os factos no sítio certo. As campanhas eleitorais são sobreaquecidas, mas deviam exigir um respeito mútuo mínimo; no mínimo. O recurso à mentira vulgarizou-se, embora a utilização de informações falsas sobre a profissionalidade e o carácter das pessoas se mantenham intoleráveis. Magoam, mesmo que se revistam de nula credibilidade. O raio de acção da dor pode tornar-se incontrolável nos que captaram a injustiça, mesmo que considerem que é preferível sofrê-la do que cometê-la.

 

Os governos, nos diversos patamares, afirmam-se no caos se conseguirem eliminar a vulgarizada mentira e afirmar a sensatez. É um exercício elementar com um alcance imensurável. Insistir num registo de falsidades numa espécie de fuga para a frente não augura nada de bom.



publicado por paulo prudêncio às 10:30 | link do post | comentar | partilhar

8 comentários:
De Isabel a 16 de Novembro de 2011 às 23:55
Não augura mesmo nada de bom. Mas estamos na época do "vale tudo".
Como muito bem dizes, mais vale sofrer uma injustiça do que cometer uma injustiça.
Por exemplo: andar a dizer-se que há 17 anos que não se limpavam as caleiras, é falso. A manutenção foi feita, anualmente conforme uma das trinta e tal bases de dados falecidas. Se se fez a limpeza das caleiras depois das falecidas serem abatidas, isso já não sei. Mas o que é facto é que alguém espalhou isso.


De indignada a 17 de Novembro de 2011 às 16:11
Pronto, a culpa não é de ninguém, até porque esta direcção, como diz a directora, só lá está há dois meses... E, quem a ouve falar fica a pensar que, ela até nem fazia parte da direcção anterior, até nem era sub-directora... Era talvez um verbo de encher como todos os outros!... Esquecimentos muito oportunos...


De Enc. de Educação Indignado a 17 de Novembro de 2011 às 18:03
A APEASO e o Conselho Geral não tomam posição? Que vergonha e não querem que tiremos os filhos desse escola que está nas mãos de incompetentes.


De Isabel a 17 de Novembro de 2011 às 18:04
A minha intenção não é atribuir culpas a ninguém, mas só e unicamente esclarecer que sempre houve um plano de manutenção, havia uma base de dados que tinha tudo o que à manutenção dizia respeito e que é mentira essa história dos 17 anos. Portanto, reafirmo que enquanto houve bases de dados, houve manutenção. O sr João e o sr Bernardino podem confirmar.


De paulo prudêncio a 17 de Novembro de 2011 às 20:34
Soube disso ontem e francamente: é tão absurdo que não vou consumir caracteres e paciência. O post tem uma intenção generalista sem fugir à experiência de cada um.


De Rodrigo Silva a 17 de Novembro de 2011 às 20:59
Lido o texto vim aos comentários e somente entendi os dois últimos. Estou absolutamente de acordo que este estado de corrupção dá alento aos que querem liquidar a democracia.


De Vanessa Santos a 17 de Novembro de 2011 às 20:25
Nem mais. Duarte Lima, Oliveira e Costa e Dias Loureiro eram acima de suspeita, como Isaltino de Morais e Valentim Loureiro. Armando Vara, Socrates e mais do PS também o eram. Quantos políticos honestos passaram por estes governos? Muitos, mas ficaram manchados e debaixo de suspeita.


De paulo prudêncio a 17 de Novembro de 2011 às 20:36
Interessante Vanessa. É um exercício que se deve fazer. Existirão muitas pessoas honestas que passaram por governos e que se devem sentir aborrecidos e incomodados.


comentar post

Inauguração do blogue
25 de Abril de 2004
Autor:
Paulo Guilherme Trilho Prudêncio
Discordâncias:
Mais até por uma questão estética, este blogue discorda ortograficamente
arquivo
comentários recentes
Não vi. Mas fui agora pela box e lá está a confirm...
“A carreira dos professores é mais generosa do que...
Bem: até pode ser mais prolongado no tempo se for ...
O que impressiona, é que apenas se devassa e escru...
considero que só há uma saída airosa: os professor...
e quem são os que estão dependentes de vagas decid...
considero que só há uma saída airosa: os professor...
subscrever feeds
mais sobre mim
Por precaução
https://www.createspace.com/5386516
ligações
blog participante - Educaá∆o - correntes .jpg
tags

antero

avaliação do desempenho

bancarrota

blogues

campanhas eleitorais

cartoon

circunstâncias pessoais

coisas tontas

concursos de professores

contributos

corrupção

crise da democracia

crise da europa

crise financeira

desenhos

direitos

economia

educação

escolas em luta

estatuto da carreira

falta de pachorra

filosofia

fotografia

gestão escolar

história

humor

ideias

literatura

luís afonso

movimentos independentes

música

paulo guinote

política

política educativa

professores contratados

público-privado

queda de crato

rede escolar

ultraliberais

vídeos

todas as tags

favoritos

bloco da precaução

pensar o sistema escolar ...

escolas sem oxigénio

e lembrei-me de kafka

as minhas calças brancas ...

as minhas calças brancas ...

reformas e remédios (1) -...

sua excelência e os númer...

posts mais comentados
88 comentários
75 comentários
Razões de uma candidatura
https://www.createspace.com/5387676